54 3231.1002 | 54 3232.9786 | WhatsApp 54 9 8424.8037
contato@funerariasagradafamilia.com.br
Avenida Moreira Paz, 1216, Vacaria / RS

Por que é tão difícil lidar com a morte? 28 de maio de 2019

Como você lida com a morte, a perda de um ente querido quando a dor é tão forte; como você pode deixar as pessoas que você amou e ainda ama tanto? Como você pode aceitar o fato de nunca mais ver essas pessoas? Como você pode aceitar a ideia de perda, de morte?

Nem sempre é fácil deixar as pessoas que são tão queridas para nós, mas também não precisa ser difícil. Olhar as coisas de uma perspectiva diferente pode nos ajudar a experimentar milagres em nossas vidas, pode nos ajudar a entender a vida e a morte, e pode nos ajudar a perceber como tudo acontece em perfeita e divina ordem.

MANEIRAS DE LIDAR COM A MORTE DE UM ENTE QUERIDO

 

1 – A IGNORÂNCIA E O MEDO DA MORTE SUPERAM A VIDA DOS HOMENS

Chegamos a este mundo sozinhos e saímos sozinhos, e o mesmo se aplica a todos os seres humanos neste Planeta. Aceitar a ideia de que nada dura para sempre e insistir nela com a maior frequência possível nos ajudará a lidar com a morte daqueles que estão próximos a nós e por que não, com nossa própria morte de maneira realmente positiva e pacífica, e quando a morte chegar esteja pronto.

2 – Somos Seres Espirituais tendo uma experiência humana

A morte não é o fim. Como humanos, aprendemos a confiar mais naquelas coisas que podem ser tocadas, sentidas, cheiradas ou vistas, mas há coisas que não podem ser vistas, mas isso não significa que elas não existam. Existe um mundo lá fora que não é visível a olho nu, um mundo muito poderoso, um mundo do qual todos nós nos originamos e um mundo onde voltamos no momento em que deixamos nossos corpos físicos.

3 – DEVOLUÇÃO À FONTE

Imagine só, nos primeiros 9 meses de vida, quando você está no ventre de sua mãe, você está sendo oferecido todo o alimento que você precisa, todo o amor e todo o cuidado que é necessário para sua sobrevivência, e por que não a mesma coisa? aplicar depois de sair?

Somos seres espirituais tendo uma experiência humana, afinal, e não o contrário. Basta perceber a origem da qual você é originário.

4 – A morte faz parte da vida

Devemos celebrar a perda de um ente querido assim como celebramos o nascimento deles, por confiar em mim, as pessoas que outrora viveram neste Planeta, as pessoas que amamos e ainda amamos tanto querem nos lembrar dos muitos belos e preciosos momentos passamos com eles e nos concentramos nisso e em mais nada.

5 – Aceitar e abraçar o luto

Quando alguém que você ama deixa este mundo, você se sente como se o fim do mundo tivesse chegado e se você pensar sobre isso é muito parecido com o fim do mundo. O fim do mundo como você conhecia, o fim do mundo para você e essa pessoa linda.

Agora você estará vivendo em um mundo completamente diferente, um novo mundo onde a pessoa que você tanto ama não fará mais parte, pelo menos não fisicamente, mas isso não significa que eles não estejam mais aqui com você.

Você gostaria que sua família ficasse triste e infeliz quando morresse ou desejaria que eles continuassem a aproveitar a vida e valorizar cada momento que tenham deixado neste Planeta?

6 – Deixe ir

O luto faz parte do processo de cura e não há problema em ficar triste, não há problema em chorar, mas tenha em mente que a vida continua e se você não consegue encontrar a força interior para deixar a tristeza e ” voltar à vida ” você vai perder muitos momentos preciosos com muitas das pessoas que ainda estão vivas e querem compartilhar seu amor com você.

Pode ser realmente perigoso ficar no modo de luto por muito tempo e se você ficar preso nesse nível, não apenas você perderá a vida sentindo-se deprimido e infeliz, mas também entristecerá as muitas pessoas bonitas que estão presentes na sua vida.

Deixar ir não significa que você esqueça deles. Deixando de lado o pesar, você percebe que há muito mais para você ser feliz e há muitas pessoas bonitas ao seu redor que te amam e se preocupam com você, e você quer desfrutar e expressar sua gratidão por sua presença, porque Eles precisarão também deixar este mundo e você não vai querer perdê-los.